Anjo Destaque – Ana Elisa

Quem são os Anjos:

Os Anjos são os profissionais da equipe da Pet Anjo que trabalham com o que amam: ajudando animais a terem uma qualidade de vida melhor! 

Todos eles passaram por um processo rigoroso de seleção, onde é analisado o perfil e as características pessoais de cada candidato. Então, se o pretendente a Anjo tiver o perfil compatível com os nossos valores, ele é aprovado para iniciar a capacitação e treinamento exclusivos da Pet Anjo, após efetuar o pagamento do curso.

Isso mesmo, todos os Anjos pagam para entrar para nossa equipe. Isso garante que nós tenhamos apenas pessoas que realmente comprometidas e empenhadas a realizar o trabalho com o seu pet!

Entenda melhor quem são os Anjos aqui.

ana-e-gucci

Ana e Gucci (cliente de Hospedagem e Passeio da Pet Anjo)

Nós temos centenas de Anjos ativos em nossa plataforma, pra você conhecer um pouco melhor essa SUPER equipe, vamos fazer uma série de posts com um bate papo/entrevista com alguns deles. E pra começar, hoje nós conversamos com a Anjo Ana Elisa.

A Ana entrou na nossa equipe de Anjos em Outubro de 2016, oferecendo os serviços de Dog Walker, Pet Sitter e Hospedagem Familiar. Hoje (08 Dezembro 2016) ela já tem 10 clientes!

1 – Apresentação

Oi Ana, tudo bem? Antes de mais nada, conte-nos um pouquinho sobre você. Como e quando começou sua relação com pets, qual sua área de formação…

Ana: Sou bióloga e psicóloga e tenho 41 anos. Amo animais desde criança, mas a minha mãe não deixava ter cachorro no apartamento, então tive peixes (Betta), tartarugas de água doce, gerbil, hamster, periquitos e um canário. Tentei ter um gato, mas, infelizmente, tenho muita alergia a estes peludos! 😔

Porém não sou alérgica a cães e, em 2004, o meu pai me deu meu primeiro Cocker, o Sunny! 😄 Três anos depois, adquiri uma companheira para o Sunny, a Sofia (outra Cocker). Infelizmente, os dois faleceram de câncer…

captura-de-tela-2016-12-08-as-15-32-41

Ana e Nounours (cliente de Passeio Pet Anjo)

Foi, em parte, o meu amor pelos animais que me levou a escolher Biologia. No fim da graduação, cursei uma disciplina sobre comportamento animal  e fiz estágio sobre comportamento de macacos-prego. Depois fiz mestrado sobre cognição de um papagaio verdadeiro (Amazona aestiva; o Juca). Como também gosto muito de crianças e de psicologia, decidi fazer uma segunda graduação, nesta área (Psicologia).

Desde setembro de 2016, trabalho como voluntária em um projeto de educação assistida por cães, em uma escola municipal de São Paulo e já está na minha agenda começar um trabalho voluntário em uma ONG protetora de animais também!

2 – Você e a Pet Anjo

Como você conheceu a Pet Anjo e por que decidiu participar do nosso processo seletivo?

Ana: Em junho de 2016, a Sofia, minha querida cadelinha, ficou doente. Após alguns exames e uma cirurgia, descobrimos que era câncer. O principal sintoma que ela apresentava era inapetência e enjoo.

Ariel na Hospedagem na casa da Anjo Ana

Ariel na Hospedagem na casa da Anjo Ana

Durante um mês e meio, cuidei dela com mais amor e dedicação do que eu já cuidava, fazendo comidas em forma de papas e oferecendo a ela quatro vezes ao dia. Sempre cuidei bem dos meus animais – até injeção na patinha de uma tartaruguinha aquática com pneumonia eu já dei! – mas com a Sofia ficou mais clara ainda a minha aptidão para cuidar.

Então, após o falecimento dela, comecei a pesquisar na internet trabalhos que eu pudesse exercer, cuidando de animais. Foi aí que encontrei a Pet Anjo, e o que me fez decidir me tornar Anjo foi o diferencial da empresa de oferecer um curso de formação e capacitação aos candidatos, além de trabalhar com três categorias diferentes: Hospedagem, Dog Walker e Pet Sitter!

3 – Motivação

O que te motiva a fazer o que você faz hoje com a Pet Anjo? Por que trabalhar com animais de estimação?

Ana: Estou realmente muito feliz em trabalhar junto com a Pet Anjo! Amo estar em contato com os pets, cuidar deles, proporcionando-lhes o que eu puder fazer de melhor e percebendo que o animal ficou bem e que o cliente ficou satisfeito. O amor e o carinho que damos aos pets, eles retornam em dobro!

Casa da Anjo Ana para Hospedagem

Casa da Anjo Ana para Hospedagem

4 – Rotina

Conte-nos um pouco mais de como é seu dia a dia como Anjo.

Ana: A minha rotina como Anjo envolve passear com cães, fazer hospedagens e, eventualmente, pet sitter. Os passeios são serviços mais fixos; já as hospedagens variam de acordo com a época do ano e o pet sitter, por enquanto, fiz apenas um… Acabo sempre me apegando um pouco aos animaizinhos com os quais trabalho e eles sempre deixam saudades, lembranças e aprendizados para mim!

5 – Relacionamento com Clientes

Que tipo de tratamento você costuma dar para seus clientes? Que tipo de abordagem você faz no primeiro contato, o que aprendeu com o tempo que é importante para os clientes.

Ana: Sempre tento ser atenciosa com os clientes, focando em suas necessidades e na de seus animaizinhos, esclarecendo dúvidas e mostrando que eles podem confiar em mim e na minha capacidade de cuidar de seus pets.

Casa da Anjo Ana

Casa da Anjo Ana

No primeiro contato do cliente, busco dar todas as informações solicitadas de forma clara e objetiva, respondendo o mais rápido possível. Na visita inicial (encontro presencial com cliente antes de contratar, grátis e sem compromisso) que oferecemos, me oriento pelo questionário da Pet Anjo e, conforme a conversa com o cliente, faço perguntas sobre o pet que julgo serem importantes para o seu bem-estar. Aprendi que, para a maioria dos clientes, é importante contar como está o pet e enviar fotos e vídeos para que ele veja como o animalzinho está.

6 – Fun

Você passou por alguma situação diferente ou atípica que gostaria de compartilhar?

Ana: Um caso de que me lembro é da hospedagem de uma cadelinha SRD (Sem Raça Definida) que não estava acostumada a ficar com pessoas que ela não conhecia. Os tutores ficaram muito preocupados e contaram que, quando ela estava sem eles, ela não comia e não fazia suas necessidades (já tinha ficado mais de dois dias sem evacuar).

É verdade que ela demorou uma manhã e parte da tarde para aceitar comida e beber água, mas depois comeu, bebeu água, fez xixi e até cocô! Os tutores ficaram surpresos (e eu, contente)!

Anjo Ana Elisa CTA

Comente com Facebook