Mito Nº9. “O colar dentado funciona como os dentes da mãe e suas mordidas corretivas”.

Este é um mito muito perigoso não só para a integridade física, quanto para o bem estar do cão!

O colar dentado funciona através da pressão dos dentes contra o pescoço do cão. Sensação no mínimo muito desconfortável, podendo ser muito doloroso. Não existe qualquer relação com o comportamento materno, que é denominado de “inibição de mordida” que, inclusive existe para modelar o comportamento social dos filhotes, ensinando-os a não morder ou apresentar sinais agressivos sem necessidade.

O cão (e qualquer outro ser vivo) sempre vai tentar evitar dor e desconforto (estímulos aversivos), por isso o colar dentado é comumente utilizado para que o cachorro não puxe a guia de passeio ou para inibir outros comportamentos indesejáveis. Assim como todas as formas de treinamento que são baseados na dor e intimidação, existe um alto risco de consequências não intencionadas. Muitos podem afirmar que não esses quadros consequentes não são comuns. É indubitável, porém, a gravidade das mais leves consequências.

Com o uso do colar dentado, um dos maiores riscos (possivelmente a maior certeza), é que o cão associe a dor que ele sentiu aos demais estímulos ambientais, como o tutor, outro cão que esteja no local, o local em si, etc. Isto então, pode acarretar em uma agressão, ou seja, uma defesa, contra o que o cão acredita ser a causa da dor. Na realidade, como a punição deveria ocorrer com um timing perfeito em relação ao comportamento indesejado, e com uma intensidade fortíssima, que levaria imediatamente a diversas consequências indesejadas, o cão muito provavelmente nunca associará o desconforto do colar ao comportamento indesejado (escolhido pelo dono). O dito “o tiro saiu pela culatra” se encaixa bem nessa situação, não?

Se você já utilizou ou pensa em utilizar o colar dentado, consulte um profissional comportamentalista qualificado para aprender mais sobre o uso de técnicas mais efetivas e eficazes, sem o uso de estímulos aversivos. É muito melhor para todos!

Não deixe de ler também nosso post sobre o uso de colares enforcadores e as diversas consequências do uso de punição: http://goo.gl/nvDu5L

Imagem: http://goo.gl/i71tT7

Post escrito pela equipe Dra. Carolina Rocha. Você conhece nossa equipe? Veja nohttp://carolinarocha.com.br/quemsomos.html

www.carolinarocha.com.br


Temos uma equipe pronta para te ajudar, nos conte mais sobre o seu pet 🐶🐱

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Seu telefone

 Dog Walker (Passeio) Pet Sitter (Visita) Hospedagem familiar

Nos conte mais sobre seu peludo

Comente com Facebook
0 Comments

Leave a Comment