Top 10 Raças de Cachorro Difíceis para Passear – parte 1

top raças passeio

Conheça quais são as raças de cachorro mais difíceis de se levar para passear.

Como já explicamos aqui no nosso blog, passear com seu cachorro pode não ser uma tarefa tão mais simples quando seu cachorro é “dos mais agitados”. Problemas como puxar a guia, latidos excessivos, agressividade entre vários outros, acabam se tornando empecilhos para o tutor conduzir um passeio tranquilo e saudável com seu peludo.

Nós fizemos uma série de três posts sobre o assunto, “Problemas com passeios“,  explicando de forma completa e bem simples passo a passo como você pode ter um passeio tranquilo e divertido com seu companheiro.

No primeiro post citamos quais são os principais problemas que um tutor enfrenta ao levar seu peludo para passear e explicamos o porquê ele se comporta dessa maneira em determinadas situações.

No segundo post nós explicamos como resolver esses principais problemas com métodos bem práticos. Se você estiver disposto a dedicar um tempinho do seu dia para ajudar seu peludo a aproveitar mais e se comportar melhor nos passeios, você com certeza vai aproveitar várias dicas deste post.

Se você tiver uma rotina corrida, que seja difícil encaixar horários para atividades “extras”, como treinar seu peludo por exemplo, o terceiro post dessa série foi feito para você! Nele nós explicamos quais são os benefícios em contratar um Dog Walker Profissional da equipe da Pet Anjo e como ele pode te ajudar.

Alguns tutores podem encontrar mais dificuldade em melhorar o comportamento do seu cão durante os passeios, porém, nem todos sabem que a raça (ou mix de raças) do seu peludo pode ser um fator importante para ele se comportar dessa maneira. E entender o porquê isso pode estar influenciando o comportamento do seu peludo com certeza irá te ajudar a fazer um passeio melhor, tanto para você como para seu cãozinho.

Então, hoje vamos listar aqui 5 das 10 raças que geralmente são mais difíceis de se levar para passear e ter momentos tranquilos.

Top 5 raças de cachorro difíceis para passear

1 – Bulldog Inglês

Dica Passear bulldog

Bulldog Inglês: Dócil porém teimoso

O primeiro da lista é este parrudinho, o Bulldog Inglês. Apesar de ter essa cara de mau o Bulldog em geral é um cão dócil, engraçado e é super cuidadoso com crianças.

Mas como nem tudo são flores, a maioria dos Bulldogs Ingleses são um pouco teimosos, e nem sempre obedecem aos comandos do seu tutor. Podendo tornar de cada passeio um novo desafio, o que desmotiva qualquer tutor a manter uma boa frequência de passeios.

Essa teimosia aliada a sua força, dificulta ainda mais os passeios com o Bulldog.

2 – Terrier Escocês

Dicas Passear Terrier Escoces

Terrier Escocês: Pequeno, porém valente

Não confunda o Terrier Escocês com o Schnauzer, apesar de serem parecidos são cães de raças diferentes.  O Schnauzer é uma raça que existe em 3 variações de tamanho: Miniatura, Standard e Gigante. A variação que mais se assemelha com o Terrier Escocês é a Miniatura, justamente pelo seu pequeno porte ser parecido com o porte de um Terrier Escocês, um cão de pernas curtas.

Além de que, os Schnauzers, geralmente não dão muito trabalho para fazer uma atividade simples como passeio, por exemplo.

Enquanto o  Terrier Escocês, pode ser um pouco mais difícil para fazer a mesma. Uma raça muito alegre e carinhosa com sua família, porém toda essa alegria pode desaparecer quando ele percebe algum estímulo que possa parecer uma ameaça ao seu ver.

Por ser um cão muito protetor, em situações como essas, ele pode ter uma reação digamos que “valente demais” ao se deparar com uma situação de tensão e acabar gerando um desconforto para o tutor caso aconteça durante um passeio.

3 – Chihuahua

Dica passear chihuahua

Falta tamanho, mas sobra coragem

Apesar do tamanho, o Chihuahua pode ser uma raça complicada de se levar para passear. Em geral são cães bastante alertas, temperamentais e corajosos – até demais. Assim como o Bulldog Inglês, os Chihuahuas podem não receber ordens muito bem, podendo gerar conflitos entre tutor e pet.

Não se deixe enganar com seu porte, apesar de pesar no máximo 3kg – de acordo com o padrão da raça –  ele pode ser mais difícil de treinar do que um cão de porte grande. Os principais problemas que um chihuahua  pode apresentar durante os passeios envolvem latidos excessivos e agressividade, reflexos de sua grande coragem.

4 – Chow Chow

Dica Passear Chow Chow

Fofo e valente

Esse cão tão fofo, que mais parece um leãozinho pode oferecer grandes desafios aos seus tutores durante os passeios. É uma raça de origem chinesa que era – e é até hoje – muito utilizada como cão de  guarda. Apesar de na maior parte do tempo parecer ser um cão bastante calmo, ele pode ter seus momentos de valentia extrema, aflorando seu instinto protetor.

Esse excesso de valentia é ainda mais agravante quando levamos em consideração sua força e peso e por isso ele pode não ser um cão muito fácil de se fazer um passeio tranquilo.

5 – Pinscher Miniatura

dica passear pinscher

Outro pequenino valente!

Apesar de faltar tamanho, coragem o Pinscher Miniatura tem de sobra! Um cão bastante enérgico e leal a sua família, pode oferecer desafios para seus donos durante os passeios, principalmente se ele não tiver uma rotina de passeio adequada.

Os problemas mais recorrentes nos passeios de um Pinscher Miniatura são relacionados a puxar a guia e em alguns casos reatividade.

 

Se você quiser conhecer as outras 5 raças do Top 10 que geralmente costumam dar um pouquinho mais de trabalho para passear, clique no botão abaixo:

Top 10 Raças mais difíceis de passear

Se seu peludo é de uma dessas raças, ou se você acredita que o mix de raças dele possa ser um fator importante para ele ter comportamentos indesejados durante os passeios, conte com os melhores Dog Walkers do Brasil.

Veja aqui quais são os Anjos mais próximos à você.


Temos uma equipe pronta para te ajudar, nos conte mais sobre o seu pet 🐶🐱

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Seu telefone

 Dog Walker (Passeio) Pet Sitter (Visita) Hospedagem familiar

Nos conte mais sobre seu peludo

 

Comente com Facebook
1 Comments

Leave a Comment