Dog walker: dicas para seu cão vir quando chamado

 

Nada mais decepcionante que um cãozinho que não obedece ao chamado do dono. Pensando nisso, o post de hoje traz algumas dicas para que você consiga fazer que seu cachorro obedeça sempre que for chamado. São dicas simples de um dog walker, profissional que sabe, como ninguém, interagir com aos mais diferentes tipos de cães. Confira!

dog walker cao atendendo chamado

Conte com a ajuda de um dog walker

A importância do seu cão vir quando chamado

Fazer com que seu cão aprenda a vir quando chamado é um dos comandos mais importantes e úteis que você pode ensinar ao seu cachorro. Um cãozinho que responde rápido e vem assim que chamado poderá viver com muito mais liberdade do que outros que não obedecem ao comando. Também facilitará caso você precise contratar um pet sitter, por exemplo. Atendendo a comandos, a relação do profissional com o seu pet será muito mais fácil.

Ensinar esse comando talvez não seja uma tarefa das mais fáceis, exigirá muita paciência e amor, no entanto, todo o esforço do treinamento valerá a pena na hora que você necessitar utilizá-lo.

Mas antes, é preciso que você não tenha grandes expectativas ao inciar o treinamento. Não importa quanto esforço você coloque no treino, nenhum cão  virá todas as vezes em que for chamado. Seu cão pode não ouvir seu comando, pode estar distraído e nem sequer notar que estava sendo chamado.

dog walker ensina cachorro a vir quando chamado

Tenha paciência com o seu cão

No treinamento deve-se levar em conta também a questão da raça. Algumas são bem fáceis e outras difíceis na hora de aprender o comando. Porém, independentemente da raça, seu objetivo será formar um forte hábito para que, toda vez que ouvir o comando, seu cão venha até você sem nenhum problema.

Leia também o artigo que ensina 10 passos para ensinar o seu cão a sentar.

 

O treinamento

  1. Ambiente

Comece o treinamento em um ambiente sem distrações, como dentro de casa ou no jardim. E conforme o seu cão avance, você pode realizar o treino em outros ambientes, mais barulhentos e mais movimentados.

  1. Escolha do comando

Escolha um comando de “venha” associado ao nome do cachorro. E use-o apenas quando o cachorro estiver correndo em sua direção ou puder ser atraído para você porque valerá a pena. Ou seja, irá receber uma recompensa.

  1. A recompensa

Sempre faça com que valha a pena para o seu cão atender ao seu chamado. Quando ele voltar para você tenha sempre uma recompensa. Escolha algum petisco que seu pet adore, de preferência pequeno e fácil de engolir para que ele associe o prazer imediato da comida com o comando.

  1. Usando a recompensa

Mostre a recompensa para o cachorro e depois se afaste dele. Então se ajoelhe e mostre a recompensa novamente. Assim que ele se agitar, diga em voz calma, clara e firme o nome do cachorro e o comando de “venha”.

Quando ele chegar e comer o petisco, passe a mão em sua cabeça ou faça algum outro tipo de carinho que ele goste. Desta maneira, você estará reforçando o hábito.

  1. Praticando o hábito

Pratique o novo hábito diariamente, e após alguns dias de prática, o seu cão começará a responder com mais rapidez ao comando. Mas para que funcione em qualquer ambiente, vá adicionando pequenas distrações no local ou mesmo praticando em lugares novos.

Importante! Somente use o comando de “venha” quando realmente quiser que ele venha.

  1. Não insista

Evite chamar seu cãozinho repetidas vezes, dizendo “venha, venha”, pois a tendência neste caso é que ele o ignore. Se você já chamou diversas vezes e ele não veio e natural que você acabe se irritando e aumentando o tom de voz, o que fará que ele não venha mesmo. Então, desista, vá fazer outra coisa e tente novamente mais tarde.

dog-walker-clieque-aqui-e-baixe-material-linguagem corportal-dos-caes

Clique e baixe o material “Linguagem corporal dos cães”

  1. Use o comando apenas para atividades agradáveis

Evite usar o comando de “venha” para atividades que não sejam agradáveis para o seu cão. Por exemplo, se ele está feliz correndo pelo parque, você o chama pelo comando de “venha” e em seguida o prende na coleira e o coloca no carro. Desta forma, se isso for feito com frequência, o cão vai associar o comando ao final da brincadeira e ao fato de ficar preso na coleira, podendo não mais atender ao chamado.

  1. Carinho nunca é demais

Após algumas semanas de prática, você pode parar de dar a recompensa todas as vezes que ele obedecer ao comando. Porém, nunca deixe de agradar ou fazer um carinho. Esses pequenos gestos servem para fortalecer os laços de amizade entre vocês.

  1. Nunca use de violência

Nunca, em hipótese alguma, use de violência. Não dê puxões, tapas ou gritos. Se você agir com violência seu cachorro dificilmente irá te obedecer.

  1. Final feliz

Enquanto seu cão não estiver respondendo de forma confiável ao comando, mantenha o treinamento em ambientes fechados ou cercados. No entanto, se ele já dominou o comando, deixe-o livre para correr por aí e explorar o mundo. Esse é o melhor presente que você pode lhe dar.

Conte com a ajuda de um dog walker

dog walker encontre

Clique e encontre um dog walker

Gostou das dicas? Então saiba que um dog walker pode fazer muito mais por seu cãozinho do que apenas caminhar por aí. Um dogwalker, como os que você encontra na Pet Anjo, são profissionais preparados e capacitados para fazer do passeio um momento educativo, onde seu cachorro poderá aprender a se sentar, não puxar a guia, se acalmar, entre outras coisas.

Se quiser saber mais sobre como funciona o serviço de dog walker, basta acessar nosso site para tirar todas as dúvidas. E também, não deixe de seguir nosso blog, que sempre traz dicas úteis para você e seu melhor amigo viverem melhor.

dog walker conheca um anjo de pets

Comente com Facebook